);

Como comunicar nos mercados externos

A criação de uma marca é um passo fundamental para a afirmação de uma empresa a nível internacional.

A importância da marca é ainda mais relevante quando se trata de empresas B2B, em que o principal contacto é efetuado pelos clientes, sejam eles retalhistas ou distribuidores locais, e não por quem produz.

Conhecer os consumidores de uma marca, estudá-los profundamente e compreender as suas motivações e necessidades constitui, assim, o primeiro passo para essa estratégia. Com base neste conhecimento, a marca deve ser construída assente em dados identitários fortes e seguros. A marca deve fornecer as respostas aos anseios e preocupações dos consumidores.

Quando se comunica o produto ou o serviço dessa marca o foco deve residir na oferta ao consumidor da melhor experiência possível, em vez de procurarmos efetuar uma simples venda. A grande ambição da comunicação passa por criar um envolvimento com o consumidor no sentido em que este deseje comprar o produto, de modo a satisfazer a sua necessidade.

Para se atingir este desiderato, o investimento na comunicação é condicionado por uma estratégia de marketing de conteúdo, na qual são criados elementos – vídeos, textos, fotografias – que despertam e cativam o interesse do consumidor e o envolvem nos determinantes da identidade da marca. O tom da comunicação, atendendo às características dos tempos atuais, deve ser leve e ligeiramente bem-humorado. Este descomprometimento da marca surge, aos olhos do consumidor, mais genuíno do que campanhas bem produzidas, onde os orçamentos falam mais alto.

A tecnologia desenvolvida nos últimos anos permitiu às empresas reduzir substancialmente os custos associados à estratégia de marketing pela adoção de canais digitais. Importa não esquecer que a maioria dos utilizadores da Internet o fazem através de um pequeno dispositivo que transportam constantemente consigo.

A estratégia de marketing de conteúdo deve, ainda, ser estimulada pela preocupação em apresentar constantes inovações ou novidades ao consumidor, mantendo dessa forma o seu interesse e a motivação pela marca.

Através destes passos, a organização desenvolve a marca, estimula os consumidores e prepara os mercados para a estratégia comercial da empresa.

Deixe uma resposta